OffTopic

Nostalgia: Blackness Death Metal Rulez ( Updated )

Calma!!! Não se assustem!!!

O carinha magrinho de bigode sou eu.

Nos inicio dos anos 90, precisamente em 1992, eu e Demétrio Júnior ( O 2o. da esq. para dir. ) e um amigo ( Carlinhos ) nos reunimos em minha casa para fazer um barulho. Não posso dizer que eu com 1 violão de 4 cordas , Carlinhos destruindo as almofadas com as baquetas e Demétrio gritando parecendo um cachorro rouco estavamos fazendo um som.

Nesse dia gravamos umas 05 “músicas”, todas feitas na mesma hora e as letras já tinham sido escritas por Demetrio num inglês tão ruim que chegava doer nos ouvidos. Ai comeca a história da Orgasm Crazy, isso mesmo Orgasm Crazy!!!

Curtimos tanto o troço que convidamos Marcus ( 1o. da esq. para dir. ) para assumir as baquetas e Sandro ( o sarara que está do meu lado ) nas guitarras (base/solo). O cara era tão bom que conseguia fazer solo de guitarra com os dentes e com a guitarra nas costas, na verdade ele era naquele momento o verdadeiro músico da banda. Depois me perguntem como um sarara conseguiu criar está cabeleira. ;-P

Como Orgasm Crazy gravamos uma demo tape, em fita K7 que tenho até hoje, e tocamos com várias bandas do cenário na época, Tocamos muito no porão do Clube de Engenharia, meca do metal e rock alternativo nos anos 90 em Salvador. Depois de alguns anos melhoramos muito mas muito mesmo e resolvemos mudar o nome para Blackness.

Como Blackness tocamos no 1o. Palco do Rock em 95 dividindo o palco com as maiores bandas do Brutal Metal Baiano como HeadHunter D.C., Mystifier, Slavery. A partir dai rolaram vários releases em vários zines no Brasil e fora principalmente na Europa.

Fizemos vários shows, em muitos deles acredito que na grande maioria tocamos só pelo prazer porque grana mesmo não rolava. Nessa época as bebidas oficiais eram Caninha 51, conhaque Domeq…. Ai meu fígadoooo!!!

A vida underground acbou me cansando e resolvi sair da banda em 97, o show de despedida rolou no antigo Sabor da Terra no palco onde tocaram bandas como Garotos Podres, Ratos de Porão, Dorsal Atlântica, HeadHunter D.C., Malefactor e dezenas de grandes bandas do cenário.

Depois disso a banda gravou uma excelente demo participando também da coletânea Rock In Bahia e uns italianos loucos criaram até um fã clube na Itália. jejejejejeje!!!!

Eu e Demétrio somos amigos/irmãos e nos falamos até hoje, inclusive estamos movimentando o retorno da Blackness com sua formação original ( esta da foto acima ).

Blackness – Brutal Death Metal
Comunidade no Orkut

Formação Inicial:
Alexandro Dorrian* – Baixo/Vocais
Alessando M.- Guitarras
Demétrio Dorrian* – Vocais
Fernando Marcus – Bateria

Outros integrantes:
Dalvaro – Guitarras
Paulo Alcântara – Baixo
Demian Melo – Guitarras

* Dorrian – Homenagem a Lee Dorrian na época vocalista do Napalm Death ( Scum e From Enslavement to Obliteration )

Principais Influências:
Napalm Death
Gorefest
Morbid Angel
Paradise Lost
Carcass
Benediction

3 Comments

Comments are closed.