Category: HowTo

HowTo, Segurança

Protegendo a console administrativa contra ataques de brute force

Nos últimos meses venho acompanhando tentativas diárias de ataques de brute-force direcionados a tela de autenticação do WordPress. A boa prática de segurança, caso seja necessário disponibilizar consoles administrativas para a internet, é restringir o acesso somente para ips específicos. O log abaixo apresenta algumas dessas tentativas que vem ocorrendo aos montes diariamente. 78.162.40.7 – …

HowTo, Segurança, Sysadmin

Alta disponibilidade e segurança com Nginx e Naxsi

Além de servir como um servidor web leve e versátil o Nginx é muito poderoso como proxy-reverso. Também podemos utilizá-lo como um sistema de balanceamento de carga de excelente performance. Neste post mostrarei como criar um ambiente não só de balanceamento de carga com failover, como também irei incrementá-lo com uma camada de segurança usando …

HowTo, Segurança

Criando regras para ips dinâmicos no iptables

Uma boa prática de segurança é limitar o acesso a consoles administrativas ou conteúdo privado para origens específicas, mas como fazer isso no iptables quando seu ip é dinâmico? Existe um patch que amplia o suporte do iptables até a camada de aplicação, só é que necessário recompilar o kernel o que dá um certo …

HowTo, Sysadmin

Implementando uma cloud privada usando o Owncloud

O conceito de computação em nuvem ( cloud computing ) vêm se expandido e permitindo que diversos serviços sejam ofertados na internet de forma gratuita ou por um baixo custo. Mesmo existindo todo um conceito de segurança baseado nas melhores práticas, que nem sempre são seguidas diga-se de passagem, não é muito recomendado manter dados …

HowTo, Segurança

Testando a ferramenta de proteção multi-tarefa Artillery

Lançado em outubro de 2011 por Dave Rel1k ,também criador do Social-Engineer Toolkit (SET) ,o Artillery foi desenvolvido com o objetivo de funcionar como ferramenta de monitoramento, honeypot e proteção. A versão 0.6.1 disponibiliza os seguintes módulos: * File System Monitoring * Hardening * Honeypot * Anti-DoS * Anti SSH Brute Force Ele também é …

HowTo, Segurança, Sysadmin

Nginx – Implantação e hardening do nginx no Debian

O Nginx ( pronuncia-se “engine-x”) é um webserver e proxy reverso para os protocolos http, smtp, pop3 e imap focado em alta performance. Sua utilização vêm crescendo bastante rapidamente, numa pesquisa realizada em janeiro deste ano pela Netcraft ele ocupa o 2o. lugar entre os servidores webs ativos na internet. Neste post apresentarei como configurar …

HowTo, Segurança

Configurando os agentes do Ossec HIDS automaticamente no Linux

O modo tradicional para configurar as chaves de autenticação dos agentes no Ossec server é sustentável até 5 servidores em média. Para facilitar esta tarefa Daniel Cid criou o daemon ossec-authd, responsável por gerenciar as chaves de autenticação dos agentes no servidor usando um certificado digital. NO OSSEC SERVER Execute os seguintes comandos para gerar …

HowTo, Segurança

Configurando o Ossec HIDS para monitorar os logs customizados do Apache

Por padrão o Ossec HIDS apenas monitora os arquivos de logs access.log e error.log do Apache, isto torna-se um problema quando hospedamos diversos vhosts ( sites ) no mesmo servidor. Claro que somente será um problema para os sysadmins que não configuram os logs dos vhosts individualmente, espero que este NÃO seja o seu caso. …

HowTo, Segurança

Configurando o agente do Ossec HIDS no Windows server

A instalação do Ossec no Windows é bastante intuitiva porém alguns ajustes são necessários para garantir sua total eficiência. Após conclui-la é necessário registrar o host no Ossec Server permitindo assim a comunicação entre ambos. No servidor execute os seguintes passos Execute o manage_agents /var/ossec/bin/manage_agents **************************************** * OSSEC HIDS v2.6 Agent manager.     * * The …

HowTo, Segurança, Sysadmin

Como sobreviver aos ataques dos “hacktivistas” e pichadores virtuais de plantão

Em 2011 as atividades hackers foram bastante divulgadas e passaram de mera brincadeira de jovens desocupados para ações “organizadas” com cunho político libertário. Os grupos que ganharam um rápido prestigio foram o Anonymous e LuLzSec, uma boa parte do marketing em cima das ações destes grupos ficou a cargo das redes sociais, pastebin e do …